24 de jun de 2012

Teatro

A vida se desfaz,
desvia-se,
e vai.
Seguindo ao léu
o destino que escolheu.

Somos meros coadjuvantes
nesse espetáculo inebriante.
Que desenrola-se em perfeito improviso
ensaiando apenas lágrimas e sorrisos.

E então, sentimos soprar os ventos de mudança
e cremos que dias melhores virão.
Mergulhando de cabeça nessa dança
Ritmada pelo som do coração.

Um comentário:

Cαmilα ♥ disse...

O segredo é dançar conforme a música que a vida toca...